quinta-feira, 21 de maio de 2015

2 Dias para casar

Olá, pessoas lindas. Tudo bem com vocês? Espero que sim.
Bom hoje o dia foi bem mais tranquilo. Eu consegui até descansar um pouquinho na parte da tarde e passar na casa da minha mãe para decidir qual vestido ela vai usar (claro que não decidiu nada, por fim, ela vai alugar outro. Ai, ai...).
Ontem tivemos o ensaio e foi emocionante. Eu senti o famoso frio na barriga e imaginei os convidados sentados nos bancos, os padrinhos no altar e o Pedro me esperando com o mesmo sorriso carismático que eu vi no nosso primeiro encontro, quando eu me apaixonei por ele pela primeira vez. Eu me apaixono por ele todos os dias e acho que nunca vou me cansar disso. Essa é a maior dica para que um relacionamento seja duradouro, afinal a vida a dois não é nada fácil se você não buscar o amor nos pequenos detalhes (é brega mas funciona).
Pena que não posso convidar todas as pessoas que conheço para dividir comigo esse momento tão importante da minha vida. Nessas horas, temos que estar com os mais próximos, que conhecem a nossa história e que participa da nossa vida constantemente. Mas, eu tenho certeza que quem realmente gosta da gente vai entender perfeitamente e respeitar a nossa atitude. Não é porque não chamamos todos os nossos colegas que não gostamos deles. É que temos um número, e esse número nos limita bastante. Porém, eu garanto para você que sei que as pessoas que torcem pela gente, vibram com nossa felicidade e sabem das nossas conquistas vão sorrir e vibrar conosco seja onde for. Eu também já fiquei de fora de muitos casamentos e nem por isso deixei de gostar da pessoa. Pelo contrário, até vibrei quando vi o álbum e soube como foi a cerimônia. Isso é maturidade.
Bem, o que posso fazer, é continuar a dividir com você esse momento único de nossas vidas, nessas pequenas palavras e agradecer pelo seu carinho. Beijos no coração.